As Variantes de Roleplaying Video Games

November 12, 2015

Temperado com

Antes de falar sobre o título da matéria, deixe-me explicar como eu cheguei nesse assunto e aproveitar para talvez mostrar algo a mais para vocês.

 

Recentemente reorganizei as categorias de jogos que existem na minha ludoteca. Para muitos isso não é útil, mas para mim é uma ferramenta imprescindível na hora de buscar algo específico num repertório vasto de títulos.

Ao buscar no Steam por algo na sua lista, no momento, você só consegue encontrar o jogo se souber parte do nome. A única outra maneira é buscar pelo gênero. E resulta em algo assim:

 

 

     

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

       Busca por gênero                            Busca por título

 

 

Sofware Inc. está em duas categorias, mas é óbvio que se eu procurar pelo nome do jogo é muito mais rápido. Reparem que o SpeedRunners também aparece em múltiplas categorias, mas bastou eu procurar em uma delas que ele já encontrou. E o bom é que ao mesmo tempo ele pode ter encontrado outros jogos interessantes.

 

Uma outra utilidade das categorias é dar nomes que representam as situações dos jogos na sua biblioteca. Como por exemplo "backlog" (à terminar), "completionist" (todas as conquistas). Embora eu não recomende esse tipo de prática se você tem um acervo muito grande. O site HowLongToBeat me mostra que eu preciso de 460 dias (sem parar) para zerar todos os meus jogos.

 

 

 

CRPG, JRPG, ARPG, TARPG, IF, OMG!

 

São muitas as siglas e eu achei que seria interessante explicar alguns dos tipos mais famosos de RPVG que temos no mercado.

 

CRPGs ou WRPGs são muitas vezes descritos como Classic, Computer ou Western Roleplaying Games. São jogos normalmente em mundo aberto, que podem ou não ter visão isométrica e que focam na construção e personalização total do personagens do zero. Uma outra característica forte é a interatividade social com NPCs. Se você encontra personagens e não consegue iniciar conversas complexas com eles, então não é um WRPG. Finalmente, estes jogos envolvem um elemento tático e por turno que vem diretamente dos RPGs de mesa.
Alguns exemplos de CRPGs: Baldur's Gate, Torment, Wasteland, Pillars of Eternity, Divinity: Original Sin.

 

JRPGs são os Japanese Roleplaying Games. Eles foram tão vinculados ao gênero eletrônico que no próprio Japão eles tiveram que criar um novo nome para os RPGs de mesa, que em inglês seria algo como TTRPG (traditional tabletop rpg). Os JRPGs são em geral uma história linear, com trama complexa, sem criação de personagem, evolução de habilidades através de valores fixos por nível, itens e eventos na história. A resolução de combate é feita por turno e os encontros são em grande parte equilibrados e ligados por zona.

Alguns exemplos de JRPGs (que não precisam ser exclusivamente japoneses): Chrono Trigger, Final Fantasy, Penny Arcade, South Park: The Stick of Truth.

 

A característica principal de um Action RPG está justamente no elemento ação. Onde você precisa ativamente se desviar e acertar inimigos na tela. Todo o resto pode ser copiado dos outros subgêneros. Seja a resolução pausada ou em tempo real (Mass Effect, KotOR), cliques por segundo (Diablo, Torchlight, Victor Vrann), FPS (Fallout 3, Deus Ex), etc.

 

Agora, longe de explicar todos os sub-gêneros por falta de espaço e de vossa paciência que leu até aqui, deixei este menos usual por último. As Ficções Interativas (IF) ficaram conhecidas também como Adventures, pois o primeiro se chamava assim Colossal Cave Adventure teve seu nome reduzido apenas para Adventure e logo depois a primeira paródia surgiu na série Zork (cuidado com o Grue, ele está no escuro). Um fato curioso é que o termos depois foi compartilhado com as Graphical Adventures (Myst, Monkey Island) e com Plataformers (Flashback, Another World, Abe's Oddyssey). Mas muito antes disso tudo, as aventuras eram no formato dos TARPGs ou Text Adventure Roleplaying Games. Além é claro das variantes como os MUDs (Multi-User Dungeon) que ajudaram a propagar o gênero.

 

Espero que esta publicação tenha elucidado vocês um pouquinho mais sobre as diferenças destes sub-gêneros e fornecido uma maneira interessante de classificar seus jogos no Steam.

Please reload

Publicações em Destaque

É impressionante como o desafio trouxe participantes de todos os tipos e plataformas. E agora vamos compilar alguns dos feitos até então.  Volte aqui...

Progressos do Desafio 50 Jogos

February 12, 2020

1/9
Please reload

Publicações Recentes

September 24, 2020

Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square